História

História da Igreja Evangélica Assembleia de Deus em Assu/RN

A Assembleia de Deus chega em Assu

A Assembleia de Deus chegou à cidade de Assu no final da década de 40 através do auxiliar Felipe Joaquim Cavalcante, um viajante, vendedor de homeopatia e ouro, que por onde passava, começava a pregar o evangelho de Jesus Cristo, andava a pé por toda a região com seus produtos passando por Macau, Pendências, Alto do Rodrigues, chegando até a Patu, e em uma dessas viagens, vindo da região salineira para o vale da princesa, começou a pregar o evangelho para todos que passavam no horário de suas vendas. Após muitos dias ele decidiu fazer um culto na cidade de Assu, junto com sua esposa, a irmã Lusitana de Carvalho Costa.

O primeiro culto

O primeiro culto realizado na cidade foi em 12 de Dezembro de 1950, na Rua Adalberto Amorim, em uma casa de barro e um telhado de palha. Neste culto a irmã Maria Moreira aceitou a Jesus, se tornando uma das pioneiras na cidade. No entanto, a vida como cristão não era nada fácil. Segundo a irmã Maria Moreira, a perseguição era forte, as pessoas locais eram ignorantes e complicou muito a vida dos irmãos que se convertiam ao Senhor Jesus.

Ajuda missionária

O pastor da Assembleia de Deus em Mossoró, Pastor Francisco Taveira da Cunha, soube das dificuldades que os irmãos em Assu tinham para cultuar a Deus e passou a enviar um obreiro, de quinze em quinze dias para ajudar na obra junto ao esposo da irmã Maria Moreira. Durante alguns anos durou esse trabalho até que o primeiro pastor residente veio para Assu, já no final da década de 50.

Os pastores residentes

O Pastor José Apolônio da Silva foi o primeiro que pisou em terras assuense e começou a pregar o evangelho do nosso Senhor Jesus Cristo juntamente com os irmãos que se mantiveram firmes. As muitas dificuldades não o impediram de continuar o grande trabalho que iria gerar milhares de frutos na região do Vale. Não se conhece com precisão a data de chegada do Pastor Apolônio.

O Pastor José Juvêncio da Silva, mais conhecido como Pastor Zezé, assume a direção dos trabalhos com a saída do Pastor Apolônio em 1963. Até então, os cultos eram realizados na Rua Monsenhor Júlio, em uma casa alugada pelos irmãos. Logo em seguida o Pastor Zezé comprou um prédio na rua Pref. Manoel Montenegro com a ajuda do irmão José Lopes, foi inaugurado o primeiro templo da Assembleia de Deus.

O Pastor Firmino Luiz da Silva chega em 1968. Foi ele quem iniciou o grande projeto de construção do templo central na Avenida Senador João Severiano da Câmara, onde comprou o terreno com a venda do primeiro prédio e passou a construir, um pequeno templo que se instalava na cidade e que não sairia mais de lá.

O Pastor Francisco Bezerra da Silva assume os trabalhos em Assu no ano de 1975. Três anos foi o tempo que ele passou na região do Vale e deu continuidade aos trabalhos, realizando os serviços da boa obra.

 

O Pastor Francisco Ribeiro da Silva, conhecido como pastor Chico Ribeiro ou pastor Ribeiro chega em 1978. Ele começou a construção da casa pastoral ao lado do templo, segundo o irmão Jorge Celestino, e deu continuidade com os serviços eclesiásticos na região.

 

O Pastor Manoel Barbosa de Souza deu continuidade aos trabalhos com muito empenho e vigor assumindo a direção dos trabalhos em 1981. Passou dois anos e encerra sua passagem na cidade de Assu no ano de 1983.

O Pastor Firmino Luiz da Silva retorna a Assu e reassume a direção da Assembleia de Deus. Passou mais três anos na cidade e encerrou sua passagem em 1986.

O Pastor Dijeso Gomes de França assume em 16 julho de 1986 onde começou a expansão dos trabalhos com a missão de espalhar o evangelho pela região do Vale abrindo os primeiros trabalhos na zona rural da cidade, como exemplo, nas comunidades de Olho D'Água e Linda Flor.

O Pastor Luiz Soares de Souza assumiu a direção do trabalho recebendo das mãos do pastor Dijeso no ano de 1993. Ele da continuidade aos trabalhos com a missão de expandir ainda mais a igreja do Senhor, começa a construir o primeiro templo de congregações de Assu, nos bairros do Frutilândia e Lagoa do Ferreiro de Dentro, mas não chegou a concluir, passando para o seu sucessor.

O Pastor Ivan Gonçalves de Oliveira tomou posse no ano de 1997 e passou a trabalhar com muita vontade, em favor do crescimento espiritual e expandindo ainda mais a pregação do evangelho junto com as famílias de Assu através do GFC - Grupo Familiar de Crescimento. Ele inaugurou em 1998 a primeira congregação da cidade, que começou sua construção na gestão anterior, no bairro Lagoa do Ferreiro de Dentro. Em seguida, concluiu também a congregação do Frutilândia. Além de começar uma grande reforma no Templo Central.

Pastor Francisco Cícero de Miranda chegou em 2002 e foi o que passou o maior período na cidade de Assu de forma contínua. Além de inaugurar diversas congregações, concluiu a reforma do Templo Central, inaugurando no dia 26 de Novembro de 2005. Durante dez anos esteve a frente deste trabalho e passou para seu sucessor e seguiu para administrar a AD Mossoró.

O Pastor Alfredo Luiz de Melo chegou em 2012 para substituir o pastor Miranda e assumir as responsabilidades de todo o campo de Assu. Tem feito um excelente trabalho, implantando vários projetos para o crescimento da igreja do Senhor em Assu. Abrindo novas congregações e implantando novas tecnologias para alcançar lugares mais distantes.